Páginas

Um passo de cada vez



2014 tem sido um ano difícil, não digo que esteja sendo ruim. Na verdade acho que a palavra certa é que ele tem sido um ano denso. Muita coisa acontecendo e pra variar coisas difíceis que deixaram o coração apertado e a ansiedade a mil.

Um dos muitos motivos de choro e preocupação desse ano foi mais um susto que minha mãe nos deu. Um dia antes do meu aniversário que é em maio, recebi uma ligação quando voltava do trabalho que me fez gelar. Mendel ligava dizendo que tinha deixado Morena com minha sogra e corrido pro hospital que algo tinha acontecido com a minha mãe. Quando cheguei ao hospital, minha mãe não mexia o lado esquerdo do corpo, não tinha forças nem pra levantar um copo d'água. Ficou uma semana internada pra fazer exames e quado teve alta conseguia mexer um pouco o braço esquerdo, mas não conseguia movimentar a perna.

 
Cantando parabéns pra mim com um bolo contrabandeado pra dentro do hospital.


Como moro perto do hospital que minha mãe se consulta e meu prédio tem elevador (o da minha mãe não tem), ela veio morar comigo. Não foi fácil adaptar a nossa rotina, perder a privacidade e lógico que foi muito mais difícil pra ela que estava completamente dependente e sentindo-se um peso. Com o tempo e com a fisioterapia ela foi ficando mais forte, ganhando autonomia e confiança pra conseguir voltar pra sua casa, o que aconteceu no fim de setembro.


No dia que teve alta.

Aos poucos ela vai vencendo uma nova etapa, passou da cadeira de rodas quando precisa ficar muito tempo na rua ou fazer grandes deslocamentos, para o andador e agora usa as muletas. Cada um desses avanços foram comemorados.




 Fazendo exercícios com o incentivo da Morena. Todo dia ela ia para o corredor dar umas "voltinhas" com a netinha.


Domingo em um almoço de família, ela nos mostrou uma surpresa que me emocionou muito. Ela levantou e deu uns passinhos, ainda cambaleante, ainda sem muita confiança que me encheu de alegria e felicidade. Gravei um vídeo, mas o blogger tá me sacaneando e não quer fazer o upload.





3 comentários on "Um passo de cada vez"

Denise Eldochy on 28 de novembro de 2014 17:48 disse...

Chorei de novo.

Maitê on 4 de dezembro de 2014 19:13 disse...

Como vc mesma escreveu, um passo de cada vez...
Com a benção de Deus, sua mãezinha está aos pouquinhos voltando a vida normal. Foi apenas um susto. Tudo está dando certo!!!

Bjs

Jéssica on 13 de dezembro de 2014 01:03 disse...

Quando se ama uma mae e faz tudo isso por amor tudo é recompensador e tudo é motivo de alegria, parabens por ser essa filha sua mãe merece =)
bjos

Postar um comentário

 

"Por onde for quero ser seu par" 2011 | Desenvolvido por Craftices