Páginas

Bolívia - Peru: Parte I


Nossa passagem era Rio - Santa Cruz de La Siera -Rio, mas não passamos um dia na cidade. Nosso voo chegou as 00:30 do dia 27 de dezembro, esperamos amanhecer no aeroporto e assim que os guichês da cia aéreas abririam (elas não vendem pela internet e algumas só aceitam pagamento em dinheiro) nós compramos uma passagem pra La Paz.

Chegamos em La paz as 8:30 da manhã com a temperatura de 5°C e já começamos a sentir os efeitos da altitude, eu fiquei tontinha, tomei uma aspirina e não senti mais nada. Só ficava ofegante se subisse escada ou fizesse algum esforço. O Mendel ficou com muita dor de cabeça, enjoo, sonolência e não tinha aspirina, chá de coca, soroche pills (remádio vendido pra combater os efeitos do soroche = mal da altitude) que fizesse passar. Só fomos descobrir o porquê quando chegamos em Copacabana e tomamos um baita susto.

Passamos três dias em La Paz e ficaria mais se fosse possível. A cidade me surpreendeu positivamente e não fiquei nem um pouco preocupada com a violência que tanto li nos relatos pela net afora. Andei tranquilamente a pé e de taxi e em momento algum  me senti numa cidade altamente violenta. As pessoas são solícitas, te dão explicação conversam. Aliás adorava conversar com os taxistas sobre a vida na cidade, o que a ppulação acha do presidente, pedir sugestão de passeios ou restaurantes que eles costumam ir. Eu e o Mendel sempre tentamos ir nos lugares menos turísticos e comer algumas comidas típicas.

No primeiro dia não fizemos praticamente nada dormimos boa parte da tarde, demos uma volta no Mercado das Bruxas e jantamos no hostel de duas meninas que acabaram virando nossas companheiras de viagem. No segundo dia fomos conhecer o sítio arqueológico de Tiwuanaku que fica nas proximidades da cidade e no terceiro dia fomos ao monte Chacaltaya, a estação de esqui mais alta do mundo. Hoje ela encontr-se desativada por falta de neve, mas demos sorte que duas semanas antes de chegarmos voltou a nevar e inclusive pegamos uma tempestade de neve lá em cima. Virei criança, já que ver neve sempre fez parte de um sonho meu. Na volta do Chacaltaya passamos no Vale da Lua que nem aproveitamos muito já que boa parte das pessoas do nosso grupo estavam passando mal, inclusive o Mendel. La Paz fica a 3.500m de altitude e o Chacaltaya a 5.300m.

No quarto dia seguimos rumo à Copacabana. Deixamos La Paz cheios de saudades e com gostinho de quero mais.


 Chegando em La Paz

 La Paz é toda de ladeiras

 Parando pra respirar e tentando tirar uma foto dessa criança fofa que estava dançando

 Praça Murilo, em frente ao Palácio do Governo boliviano

 Chegando em Tiwuanaku e congelando, não levei fé e estava só com esse casaquinho. Congelei.


 Representação de um Sábio pelo povo Tiwuanaku


 Me escondendo do frio.

 La Paz vista de cima.

 A caminho do Chacaltaya

 Etezinho de neve.


O lugar é lindo, mas a estrada é esse precipício ai. Branco é a estarda coberta de neve e marrom é ribanceira abaixo.

Vale Da Lua

7 comentários on "Bolívia - Peru: Parte I"

Marcela Lima on 19 de janeiro de 2012 14:19 disse...

Amei o relato e as fotos Danee! Que venham cada vez mais viagens pra vcs!
Bjsss

Biessa on 19 de janeiro de 2012 14:32 disse...

Qual foi o susto de copacavana?? fiquei curuiosa rs

Helen Harris on 19 de janeiro de 2012 14:47 disse...

Oba! Fotos e relato da viagem :) Adorei! A altitude em La Paz é realmente impressionante. Mas o Mendel ficou bom depois?
Adorei o ET-zinho de neve. Muito engraçadinho! Ver neve é realmente um sonho, né? Até hj me empolgo com a neve.
Beijinhos!

Casar é assim... on 20 de janeiro de 2012 15:21 disse...

Com certeza gostei da parte do sítio arqueológico...muito bacana..=)

Beijos!!

Gabs Pires on 21 de janeiro de 2012 00:51 disse...

Adorei as fotos!!!
Qual foi o susto? Tô curiosa...

Beijos
Gabs Pires

Mayra on 26 de janeiro de 2012 17:33 disse...

Eita, pegar frio de surpresa não é nada legal, por outro lado deve ter sido muito bom ver a neve!

Jackie e Rômulo on 29 de janeiro de 2012 21:22 disse...

ê, vou ler seus relatos agora. essa viagem foi maravilhosa ne?
Adorei La Paz tb. eu passei mal a beça ne, so melhorei qd ro me medicou com remedios pra edema cerebral! tb nao me senti nem um pouco insegura, pelo contrario. E o povo é mega solicito. uma coisa que eles sempre mencionavam eram as novas descobertas de litio, falaram com vcs? com esperanças de que dessa vez a riqueza realmente fique pro povo. torçamos!

Postar um comentário

 

"Por onde for quero ser seu par" 2011 | Desenvolvido por Craftices