Páginas

Feijuca


Olá pessoal,

Fazia tempo que andava com vontade de fazer uma feijoada aqui em casa, mas com o calor que fez em janeiro e fevereiro nem pensar. Comentei com o Mendel que gostaria de reunir a galera dos tempos de UFF e fazer a feijoada no carnaval, mas não comentei nada com ninguém. Na segunda de carnaval a mesma galera fez uma tentativa frustrada de ir ao bloco Sargento Pimenta. Como estava muito cheio fugimos dali em busca de um pé sujo pra sentar e conversar. Foi ai que encontramos um amigo dos tempos de UFF que hoje mora em Manaus. Encontramos por acaso e ai o Mendel falou que seria legal aproveitar que esse amigo estaria na cidade. Assim a ideia da feijuca vingou.

Gui, Ian(amigo que mora em Manaus) e Mendel.

Galera tentando ir pro bloco. Repararam que a minha fantasia é igual a do fofo do Francisco. De palhaço.


Só que eu sou muito abusada. Convidei 10 pessoas pra minha casa pra comerem feijoada. Eu não sabia, não tinha a menor ideia de como se fazia. AHHAhahahahahahah.Sou louca? Liguei pra mamãe que está de férias em Salvador e pedi um help, procurei receitas na net, mas cada uma dizia uma coisa. No fim segui as dicas da minha mãe e desse blog. A minha feijoada só levou lombo, carne seca, costelinha de porco e muita linguiça calabresa. Quando eu li que deveria tirar os pelos do pé, da orelha e do rabo desisti desses ingredientes na hora.

No dia anterior limpei todas as carnes, tirando as gorduras, cortei em pedaços pequenos e coloquei de molho pra dessalgar, cortei as linguiças, piquei a couve bem fininha. Na quinta pela manhã incorporei a tia Surica (integrante da velha guarda da Portela, famosa pela sua feijoada), coloquei o feijão no fogo e fui acrescentando as carnes seguindo as dicas de mamãe. Fiz um baita refogado com muita cebola, alho e bacon pra temperar, uma farofa com linguicinha e arroz branco.

Como o Mendel tem sérios problemas quando come muita gordura e quem sofre com esses problemas sou eu (vocês entenderam?) tirei toda gordura das linguiças, não ficou uma bolinha de gordura. O fato de limpar bem as carnes que foram pra panela sem gordura e as linguiças também, fez com que a galera comesse muito e não ficasse pesada. Até uma amiga que não pode comer essas coisas comeu três vezes e disse que não estava se sentindo mal, coisa que sempre acontece quando ela enfia o pé na jaca. Assim a barriga dos meus amigos ficou leve e a minha consciência também. Afinal a dieta segue firme.

A nossa casa é meio casa da mãe Joana. Qualquer coisa que a gente faça vira praticamente um mega evento e o que era pra ser uma feijoada pra dez pessoas virou 15. Sabe como é? um chama um, que chama o outro e de repente a casa estava cheia. Adoro!


Gordura que deixamos de ingerir.

Linguiças esburacadas e "ligths"


Quase pronta.




refogado.

Caldinho pronto.

As carnes separadas.


Mesa posta.

Beijocas

10 comentários on "Feijuca"

Carol on 11 de março de 2011 13:14 disse...

ai que linda e prendada!!
Qdo eu comia linguica de carne vermelha eu tinha uma tecnica pq eu ODEIO gordura!! ai eu meio que espremia de um jeito que saia inteirinha a gordura hahaha adorava tirar, uma distracao kkk...

AH! Hj devo fazer a sua receita de pao!!! Depois te conto!

beijinhos.

Jackeline Mota on 11 de março de 2011 13:18 disse...

Putz, fui ler isso logo agora na hora do almo;o! Salivei =)
bjs,

Mayra on 11 de março de 2011 13:37 disse...

Protesto: tem que mostrar a fantasia de palhacinha!kkk
E vou confessar uma coisa não sou fã de feijoada,normalmente só como a calabresa e os acompanhamentos,mas fiquei com vontade de comer a sua. Aimeudeus, se eu colocar todas as suas receitas em prática,eu não entro no meu vestido de noiva! kkk Bom fds!
Bjos

Liliane on 11 de março de 2011 13:50 disse...

Adorei a fantasia, podia mostrar mais, né? rs.
Vc é muito prendada...affff! Um dia chego lá, só preciso providenciar a panela de pressão primeiro....rsrs
Eu também ODEIO gordura, depois vou pedir a Carol para me ensinar essa técnica de espremer...rsrs
A mesa pronta ficou linda e com uma aparência super saborosa!
Beijocas, Lili

Mulher e Ponto on 11 de março de 2011 14:05 disse...

Sacrifício olhar isso tudo e não querer tambémmm...
Ficou com uma cara ótimo, já vi que vou aprender aqui a ser prendada rsrs
Beijokasssss Dane

Elizabete on 11 de março de 2011 17:25 disse...

Oiiii filhota,estou orgulhosa de você!!! Imagino que deve ter ficado uma delícia, o visual ficou lindo!!! PARABÉNS

Biessa on 12 de março de 2011 00:10 disse...

Ai, adoro feijoada!
mas não sou fã das carnes não...

Menina, nada de começar a beber, rs. Minha teoria é a de que alcool é 'pão liquido', nao ajuda na dieta! hahaha

Beijos

Cynthia Barreto on 12 de março de 2011 13:03 disse...

Não gosto de feijão, mas sua feijoada estava com uma cara ótima!! Parabéns!!

Elaine Lobato on 13 de março de 2011 00:44 disse...

ah já vi aqui antes no seu blog! acho que esqueci de dizer que adorei! ~Especialmente hoje, com essa maravilha de feijoada , dá água na boca!
Em relação a outro post, também to cheinha de espinha e nem posso passar nada porque tive queimadura e ainda estou em recuperação, também fico chateada porque antes do acidente meu rosto era tão lisinho! AFF

bjsssssssssssssssss

Fernanda Moniz on 14 de março de 2011 09:09 disse...

Menina, não cmo feijoada, mas está muito bonita!!!
beijos

Postar um comentário

 

"Por onde for quero ser seu par" 2011 | Desenvolvido por Craftices