Páginas

Sobra mês no meu salário.


Olá pessoal,

Não sei se com as recém casadas acontece a mesma coisa. Antes de casar morava com minha mãe e não precisava pagar conta nenhuma. Fazia o que bem entendia com o meu suado dinheirinho, comprava meus sapatos (sou apaixonada por sapatos), sempre tinha uma roupinha nova pra vestir e assim ia. Depois que casei o meu suado dinheirinho acaba tão rápido que sobre muito mês no meu salário e os pequenos luxos que me dava agora passam longe. A única parte do meu dinheiro que gasto comigo é aquele destinado aos tratamentos dermatológicos. Não quero parecer uma menina mimada, mas sabe quando cansa? Cansei de acordar cedo, chegar em casa tarde e não me sobrar praticamente nada. Trabalho pra quê? Só pra pagar conta? E o pior ainda vem a droga do imposto de renda pra ferrar de vez.

Estou com sérias crises com o meu guarda roupa. Como engordei muito em pouco tempo as únicas roupas compradas foram pra trabalhar e quando saio acabo saindo com as mesmas roupas. Como trabalho em uma escola técnica, onde a maioria dos profissionais e alunos são homens as minhas roupas não são lá muito estilosinhas.

O Mendel sempre fala pra eu pagar menos contas e assim sobraria um pouquinho pra mim, mas não acho justo, nós já dividimos as contas proporcionalmente não posso sobrecarregá-lo por causa de algumas crises consumistas. que sempre são agravadas pela TPM. Sentiram o drama?
Ando de saco cheio disso. Alguém me dá os números da Mega Sena acumulada?

Beijocas

13 comentários on "Sobra mês no meu salário."

Jackeline Mota on 12 de abril de 2011 22:39 disse...

Eu passei pelo oposto. Sempre me banquei sozinha, dsd os 18 anos, pagando aluguel, comida, plano de saude e tuuuudo o mis sozinha. Então com o Ro eu fiquei desafogada pq passei a dividir tudo =)
e eu tenho uma folga claro pq ele ganha mais do que eu hehehe
bjs,

Mayra on 12 de abril de 2011 22:46 disse...

Promoção! Essa a solução, fica de olho nas datas que as lojas que vc gosta faz as promoções,assim não pesa tanto no bolso e vc compra com um certo controle!Bjos

Mulher e Ponto on 12 de abril de 2011 23:01 disse...

Ah amiga acho que vale a pena vocÊ dar uma roubadinha do salário do Mendel sim ...
Sabe porque, não é pq casamos que esqueceremos de agradar nossos maridos neh, e você vai fazer um mimo pra ele, ficar linda pro teu marido é sempre válido, dá uma roubadinha de leve rsr...
Beijinhuss saudades de vir aqui, ahhhh a roupucha do bloguinho ta lindaaa ...

Mayra on 12 de abril de 2011 23:09 disse...

Danee, me passa o seu email que eu mando! Mas em segredo hein! kkk
Bjos

Ju on 12 de abril de 2011 23:17 disse...

ô querida, aqui em casa é a mesma coisa, eu pago proporcionalmente também, e ainda estou aprendendo a me controlar e conhecer meus limites! Fiz uns gastos extras e queria pintar o cabelo, mas não sei se vai rolar $$... quero voltar a ficar no azulzinho sabe:? fazer sobrar dinheiro no meu mês! E com a pós vai ser ainda mais dificil...
beijos, ju

Liliane on 13 de abril de 2011 08:07 disse...

Oh querida, acho que isso acontece com a maioria. Eu também morava com meus pais e meu dinheiro era apenas para minhas coisas pessoas. Tudo dentro de casa era bancado pelo meu pai. O Evandro quer fazer a mesma coisa, mas não acho justo. Acho que temos que ter as mesmas responsabilidades e dividimos as despesas proporcionalmente ao nosso salário.
O que eu fiz pouco antes de casar foi zerar todas as minhas dívidas e segurar as compras. Agora eu compro somente o necessário (cortei os sapatos extras). É difícil, mas também evito usar o cartão de crédito, tenho preferido fazer compras a vista, porque vc gasta aquilo que pode sem comprometer o salário futuro.
Mas releve algumas coisas porque na TPM ficamos desanimadas mesmo...a minha chega em 2 dias ;(
Beijos querida.

Biessa on 13 de abril de 2011 09:00 disse...

Oi, Danee!
Acho que todas nós passamos por isso vez ou outra!
Olha, Leandro e eu fazemos a "poupancinha" pra nos darmos esses mimos. Fazemos assim: juntamos 50 reais por domingo cada um. Seria o equivalente a deixar de sair um dia, por exemplo. Qdo tá apertado, guardamos menos. Sem perceber, qdo vemos já temos uma graninha interessante e dá pra fazer um agradinho.
Mesmo que seja 10 reais, 20 reais, vale a pena! A gente ás vezes gasta com bobagem - bala, um cafézinho, etc...

E fique de olho nesse site!
http://www.pontasdeestoque.com/outlets/ponta-de-estoque/
Descontos sempre vão bem!

bj!

Júlia Magalhães on 13 de abril de 2011 09:10 disse...

Ai Danee nem me fala isso.. mas acho q isso te importa mais agora nesse exato momento por causa da tpm.... sempre que ela ataca eu tb sinto vontade de gastar o dinheiro que nao sobra sabe? tente pegar pelo menos 10% do que vc ganha e fazer um mimo pra vc... aí já vai dar pra satisfazer pelo menos uma parte de algum desejo seu.. bjokass

Silvia on 13 de abril de 2011 13:21 disse...

E pior é que depois de uma certa fase da vida a gente não quer mais qq porcaria, quer investir em peças mais legais, mais estilosas, com um pouco mais de qualidade que tenham uma modelagem que favoraça. Quer uma maquiagem boa, que tem uma durabilidade legal, que não faça mal para pele. E arf, eu tô cada dia mais pobre e as coisas mais caras!

Mas bem, meu conselho é o seguinte: separa no início do mês uma graninha para você ir investindo. Arrume com vontade seu guarda roupa: separe aquilo que você não usa pq está apertado e guarde numa caixa, doe aquilo que você sabe que nunca mais vai usar e peça para alguém te ajudar a reformar aquilo que pode ser aproveitado (eu mandei arrumar um monte de roupas que tinha aqui em casa). Quando for comprar roupa, invista em uma calça jeans escura com um bom corte, uma camisa branca e de resto em saias e vestidinhos que se adaptam melhor ao efeito sanfona.

Aí, tenho um monte mais de dicas se você quiser, se eu colocar aqui vou escrever um testamento! =)

Beijos!

Natália on 13 de abril de 2011 18:14 disse...

:) kkk eu tenho a msm crise com minhas roupas. fora uma minissaia e um shortinho jeans, td eu uso pro trabalho. aí fica difícil de pensar q estou no meu lazer.

mas, menina, imposto de renda eh algo q eu sempre gosto de fazer pq ele DEVOLVE dinheiro!!! como assim vc tá pagando imposto? td bem q vc tem mais de uma fonte pagadora, mas algo me diz q vc tá perdendo dinheiro desnecessariamente aí...

Cynthia Barreto on 16 de abril de 2011 13:25 disse...

Aqui em casa é diferente, eu costumo dizer que sou igual a cachorro, só mudei de dono...kkk! Meus pais sempre me bancaram e depois que eu casei meu esposo passou a me bancar! Não que eu goste disso, tanto que estou até procurando um meio de ganhar um $$$, mas tem momentos que eu agradeço por não ter hora de trabalhar, pegar ônibus lotado...essas coisas!


Beijos!

Ca Rocha on 18 de abril de 2011 16:41 disse...

Oh Danee é assim mesmo , quando morava com mesu pais o meu rico dinheirinho era só "meu", nunca precisei bancar nada em casa.
Depois q casei dividimos as contas, mais é claro q as vezes deixo q ele pague mais que eu , rsrsrsrs, preciso me manter sempre bonita é para o bem dele, rsrsrs. Pense nisso flor somos mais consumistas q ele sempre , não tem jeito.

Passa lá no meu blog da uns pitacos , vou adorar sua visita.

http://autentika-autentika.blogspot.com/

bjos bjos

Sra. N on 20 de abril de 2011 11:56 disse...

Faz uma carteirinha do seu club pra mim? to dentro da mesma situação gata.

O mês continua, as contas estão pagas e eu to lisa. E até casar (ano passado) não que eu torrava tudo, mas conseguia me mimar.

Sr. N até fala, vai la, faz, compra, mas não acho justo ele gastar mais que eu com a casa. Ta complicado.

Preciso de uma segunda fonte de renda!

Postar um comentário

 

"Por onde for quero ser seu par" 2011 | Desenvolvido por Craftices