Páginas

Como ser menos consumista?


Olá pessoal,

A Wall fez um post um tempo atrás falando da dificuldade que ela tem de segurar os seus impulsos consumistas e que no período em que ela estava noiva ela conseguia, já que grande parte do dinheiro dela estava sendo destinado para o casamento. Eu acho que isso é uma grande verdade na vida de quem está noivo, vale tanto pra homens quanto para as mulheres. O dinheiro é destinado para aquele objetivo. No meu caso e do Mendel, eu gastava mais com as coisas do casamento, lembrancinhas, cardápios entre outras coisas, já o Mendel gastava com a casa e assim o nosso salário tinha destino certo. Passado o casamento e consequentemente os gastos que eram enormes, passamos a ficar menos apertados e o dinheirinho "sobrando" a gente acabava gastando em "besteiras", um lanche desnecessário, uma revista desnecessária e nessas besteiras acabava indo uma quantia significativa. Como resolvemos acabar com esses gastos?

Resolvemos fazer duas "poupanças" uma das poupanças é uma lata que tem cadeado e um espaço na tampa por onde a gente coloca as notas. A outra é uma poupança tradicional em um banco. A da lata a gente deposita 10,00 reais por dia cada um. A ideia da lata é reduzir os gastos supérfluos diários, o dinheiro da latinha já temos um objetivo traçado e seguimos firmes depositando diariamente o que nos propomos.

A gente não tem a chave do cadeado, teremos que arrombar pra abrir, assim não caímos em tentação.


Já a poupança do banco, depositamos valores aleatórios, ou seja conseguimos economizar em algo, o valor economizado vai pra poupança. Essa poupança não tem um destino definido, mas achamos importante ter uma reserva, mesmo que ela seja pequena.

Não sei se o que nós fazemos pode servir como dica para os recém casados, mas estamos fazendo assim e por enquanto está dando certo, assim a gente economiza e não caímos na tentação.

Beijocas


9 comentários on "Como ser menos consumista?"

Bianca Bueno on 17 de agosto de 2010 12:49 disse...

Finanças é algo que precisa ser MAIS organizado do que a casa e o guarda-roupas. Primeiro organiza as finanças e só depois usa o benefício trazido por essa organização para o consumo. Penso assim. Primeiro cuidei do saldo que era vermelho para só então me dar ao luxo de consumir. E sempre dentro do orçamento. Às vezes eu cometo excessos, mas tenho um controle financeiro quase que diário e guardo uma reserva para esses excessos. Quando cometo um, o saldo dessa reserva diminui e ai passo a me controlar.

Sheila Mendes on 17 de agosto de 2010 13:05 disse...

Danee, meu marido tem mania de guardar dinheiro em cofrinhos, o que é ótimo, pois sempre tem um graninha sobrando.
Eu já prefiro guardar no banco ou investir o dinheiro, até agora tem dado certo.
Beijos.

Ju on 17 de agosto de 2010 13:34 disse...

Danee,
acho que isso acontece pq passamos por uma época de muitas privações, .. sem comprar nadica de nada pra gente, e quando vemos que as coisas estão melhorando, surtamos e queremos recuperar o tempo perdido!

A minha ultima conta do casamento acaba em setembro... vou ver como será a partir de outubro! Aí te conto ;)

beijinhos ju

Mayra on 17 de agosto de 2010 19:39 disse...

Realmente, se vcs conseguiram pagar o casamento e estão sem dívidas, já é um bom sinal de que sabem fazer o dinheiro render. Poupar é bom sim, aprendemos a consumir o q tá nas vitrines e nem sempre fazesmos bons negócios!

Brigadinha pelo coment no blog!

Bjos, Mayra do nossoferiado.blogspot.com

Elayne on 17 de agosto de 2010 20:01 disse...

Ahh juntar um dinheirinho é sempre bom!!

Quando vocês menos imaginarem já terão economizado o suficiente para fazer uma big viagem de férias...

Beijooos

Cassiane Aleluia on 17 de agosto de 2010 21:03 disse...

Cofrinho rende legal!!!!!!!
isso eu garanto
hehehehe
saudades
bjs

Pâm on 18 de agosto de 2010 18:39 disse...

Oi flor!! Saudades!! Passando pra saber das novidades!! Adorei o cofrinho... hehehe

Beijossss

Laiz Malafaia on 19 de agosto de 2010 15:41 disse...

Dica valiosas Danee.. Eu tentei um fazer um porquinho com o noivo, mas nao deu certo..rsrs

Helena Faria on 3 de setembro de 2010 21:21 disse...

Estou começando essa fase de economia. Parar de comprar coisas que são supérfulas e guardar dinheiro para a casa e o casamento. Mas.. como é difícil controlar o impulso... rsrsrs
Vou ter que fazer um cofrinho desses também!!

Postar um comentário

 

"Por onde for quero ser seu par" 2011 | Desenvolvido por Craftices